03 junho 2012

Eu costumava dizer que te amava acima de tudo, acima do Mundo. Mas hoje percebo que isso não pode ser. Mesmo que o amor seja enorme e avassalador, eu tenho que gostar mais de mim, do que de ti. Eu tenho de viver por mim, agir por mim, não por ti, e seguir o meu caminho. Tu acompanharás-me, se assim entenderes, se não, eu terei de seguir sozinha e perder o medo. Já esperei demais, demais..

4 comentários:

angel disse...

tens toda a razão. e tu vais conseguir vencer esse medo, tenho a certeza. força :)

Pedacinhos de mim disse...

Primeiramente temos de gostar de nós, de construir a nossa felicidade nas nossas mãos e só depois amar alguém e partilhar essa felicidade. Porque se ele alguém partir continuaremos a sorrir, continuaremos com a nossa felicidade anteriormente construída. Gostei muito. Um Beijo :)*

Joana Castro disse...

Princesinha, "acompanhar-me-ás" .
És doce,doce.

Joana Castro disse...

Princesinha, "acompanhar-me-ás" .
És doce,doce.