26 novembro 2012

Tenho-te a agradecer por não te calares e me fazeres ver que eu também erro. A verdade é que tu estás a fazer tudo para ser diferente, estás a tentar mudar por nós, e eu, eu continuo a julgar-te por tudo e por nada, muitas vezes até sem razão. Perdoa-me os erros, agora os meus. Amo-te.

3 comentários:

Aurora disse...

Amem-se <3

daniela disse...

tenta compreender o lado dele, eu sei que é difícil, às vezes!

Aurora disse...

passará <3