15 março 2013

O mais engraçado nisto tudo é que eu continuo a falar de ti como se não fosse nada. Hoje, pelo menos três pessoas já me perguntaram por ti, e eu respondo, com o maior dos sorrisos. Onde estás, o que andas a fazer, digo.. como se soubesse, como se vivêssemos o maior dos amores. 

Sem comentários: