08 março 2013

Talvez eu consiga viver só com a tua recordação, e já não seja preciso esperar-te todos os dias. Talvez no dia de um reencontro tu ainda me esperes, como se eu fosse tua para sempre.

Sem comentários: