17 agosto 2015

Cheguei a casa. Tomei banho. Deitei-me na cama e pensei em ti a noite toda. Tem sido assim. Todos os dias. Todas as noites. Que vazio.

Sem comentários: